Mudança de par Instituição/Curso

Mudança de par Instituição/Curso
Mudança de par Instituição/Curso

Prazo de candidatura

15 JUL a 15 AGO'20

Requisitos

  1. Podem candidatar-se ao regime de mudança de par, instituição/curso, os estudantes que tenham estado matriculados ou inscritos no mestrado integrado em Medicina Veterinária, ou curso diferente, em outra instituição de ensino superior (nacional ou estrangeira, desde que o curso esteja definido como superior pela legislação do país em causa) e não o tenham concluído;
  2. No caso de estudantes provenientes de Instituição de Ensino Superior nacional, têm de ter realizado os exames nacionais
    do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para o mestrado integrado em Medicina Veterinária, para este ano e nelas terem obtido a classificação mínima exigida;
         Provas de Ingresso (ver link)
         02 Biologia e Geologia (classificação mínima exigida 120 pontos)
         07 Física e Química (classificação mínima exigida 120 pontos)
  3. Para os estudantes titulares de cursos de ensino secundário não portugueses, legalmente equivalentes ao ensino secundário português, as condições estabelecidas pela alínea b) terão que ser satisfeitas através da aplicação do Artigo 20.º-A do Decreto-Lei n.º 296-A/98, de 25 de setembro (https://www.dges.gov.pt/en/node/613);
  4. No caso de estudantes provenientes de Instituição de Ensino Superior estrangeiro, as condições estabelecidas pela alínea b) terão que ser satisfeitas através da aprovação em provas de ingresso em curso definido como superior pela legislação do país em causa;
  5. Os estudantes que ingressaram no ensino superior com a titularidade de um diploma de especialização tecnológica (CET) ou com a titularidade de um diploma de técnico superior profissional (TeSP), não podem requer a substituição das provas, tendo que comprovar a realização dos exames nacionais, no âmbito do regime geral de acesso.

Critérios de Seriação

No caso de o n.º de candidatos exceder o n.º de vagas, os candidatos são seriados de acordo com os seguintes critérios não cumulativos: 

  1. Maior valor final resultante do algoritmo (CCES x 70 + (CCEO x P) x 30)/100 em que:

    i) CCES corresponde à classificação da candidatura ao ensino superior através do contingente geral, calculada aplicando as regras de acesso em vigor para o MIMV da FMV; no caso dos estudantes provenientes de estabelecimentos de ensino superior estrangeiro que não tenham realizado provas de ingresso equivalentes às requeridas para o MIMV da FMV, são consideradas as classificações obtidas nas disciplinas do ensino secundário que incluam as matérias de Biologia e Química, ou equivalente;

    ii) CCEO corresponde à média na escala de 0-20 valores e ponderada pelos ECTS das classificações obtidas no ciclo de estudos de origem ou no ciclo de estudos realizado que conferiu o currículo escolar, científico ou profissional reconhecido pelo Conselho Científico da FMV como atestando capacidade para a realização do MIMV;

    iii)
    P corresponde a um valor relacionado com classificação na escala europeia de comparabilidade de classificações (EECC), assumindo-se para este efeito os seguintes valores de P:

    - Classificação de A na EECC — P=1;
    - Classificação de B na EECC — P=0,9;
    - Classificação de C na EECC — P=0,8;
    - Classificação de D na EECC — P=0,7;
    - Classificação de E na EECC — P=0,6;
    - Na ausência da informação objetiva é atribuído o valor de P correspondente à classificação de E (0,6);

  2. Menor idade;

Número de Vagas

2 Vagas

Emolumentos

Taxa de candidatura Euros 140,00 Euros ou 50,00 (para candidatos ex-estudantes da ULisboa)

 

Para estudantes a residir em Portugal, a taxa de candidatura é paga por referência de multibanco gerada automaticamente aquando da submissão da candidatura;

Para estudantes a residir no estrangeiro, a taxa de candidatura é paga por transferência bancária (envio do comprovativo de pagamento para divacademica@fmv.ulisboa.pt, com a indicação da Ref.ª da submissão da candidatura).

Documentos a apresentar na candidatura online - Consultar o EDITAL 2020/2021

 

Portal de candidatura

Caso o candidato:

- já tenha conta local no FenixEdu da FMV ou conta CAMPUS@ULisboa e com ficha de aluno ou ex-aluno na FMV: Aceder ao Fenix

- não tenha ainda conta criada no FenixEdu da FMV, deverá criar uma nova conta local;

- já se tenha candidatado em anos anteriores com contas locais ou se esqueça da senha da sua conta local, deverá recuperar as credenciais no link acima, na funcionalidade “Recuperação de Credenciais”;

- tenha conta CAMPUS e ficha de aluno ou ex-aluno da FMV, e necessite de recuperar a sua senha ou nome de utilizador, deverá aceder à Pagina de Utilizadores e no menu de Autenticação escolher a opção “Recuperar Acesso”.

 

Contactos

divacademica@fmv.ulisboa.pt


Legislação

Despacho nº 9453-2015, de 19/8     |     Portaria n.º 181-D/2015, de 19/6